Trinta escadas diferentes, bonitas e criativas

Uma escada, em arquitetura, pode ser algo muito especial — a expressão de uma criatividade escultural que não se vê em quase nenhum outro aspecto de uma casa. Quando se metem a fazer isso com as paredes, por exemplo, ficam espaços impráticos, estúpidos, de cantos redondos ou vincados onde nada se encaixa. Quando querem fazer aposentos chinfrados, de formato trapezoidal, triangular, oval ou espiral — a forma define o inferno de encaixar mobília e ali viver. Mas na escada, excepcionalmente, tem o arquiteto a oportunidade de fazer algo diferente, inovador e ainda assim funcional. Pensando sobre isso, reuni uma galeria de escadas bonitas — algumas estranhas — para inspirar.

Continuar lendo

Anúncios

Três protetores de tela com jogos clássicos

Fiz três protetores de tela com imagens de jogos clássicos, e aqui você pode pegá-los em primeira mão. Este artigo mostra exemplos das imagens que estão nos screensavers, links para baixar cada pacote, e também links para as galerias originais. Se nomes como Zork, Pitfall, Super Mario, Zelda, GTA, Half Life e Silent Hill significam alguma coisa para você, continue lendo.

Continuar lendo

Apague a auto-piedade

Nunca tenha piedade de si mesmo. Nunca faça isso. Olhe para o lado. Abra os olhos. Veja. Tem alguém enfrentando desafio pior que o teu. Tem alguém que acorda, levanta e luta, mesmo vendo pela frente um dia que você nunca teve (nem em pesadelos). Abra os olhos. Você enfrenta a dor, outros enfrentam a morte. Você sente falta de conforto, outros sentem falta de comida. Você queria ter sucesso, outros queriam uma noite de sono (sem temer pela vida). Veja. Você guarda mágoa de alguém, outros guardam no peito um vazio: perderam um pai, perderam um filho. Entenda. A dor humana pode ser gigantesca, mas grande é a promessa que todo dia traz. Não fuja do dia, não fuja do sol, não se esconda da vida. Quanto maior a dificuldade agora, maior a paz depois quando ela tiver passado (e vai).

Continuar lendo

Organize sua área de trabalho com Fences

Tem alguns produtos, como o GPS, que parece que foram feitos para mim. Parece que sem saber estava esperando a vida inteira por eles. Dois dias atrás foi lançado um utilitário para Windows 7, Vista e XP assim: um programa gratuito que veio para ficar. Responda: Sua área de trabalho do Windows fica lotada de ícones? Você tenta organizar mas descobre que alguns dias depois a confusão voltou, já não acha mais nada? Ao conectar um projetor no laptop todos o ícones mudam de lugar? Você se preocupa que a aparência caótica faz seu computador parecer um barraco? Não tema, pois seus problemas terminaram! Chegou “Fences”: as melhores idéias são as mais simples.

Continuar lendo

Darwin Awards 2008

A humanidade continua seu processo de melhoria contínua, eliminando os genes de indivíduos incapazes de aplicar as mínimas regras de bom senso. Terminou a votação para a premiação Darwin Awards 2008. Nesse ano o Brasil tirou o primeiro lugar. Mas foi uma disputa acirrada, pois outros candidatos, de várias partes do mundo, demonstraram excelência em cometer erros fatais de julgamento.

Continuar lendo

Pikluk: Como tornar a internet segura para crianças, passo a passo

A internet é um lugar ótimo, cheio de conteúdo educativo e atraente para crianças de 3 a 9 anos. Mas também tem dificuldades e conteúdo indesejável. Não seria ótimo para os pais se houvesse uma solução 100% segura e amigável para deixar seus filhos surfando a internet? Pois ela existe, e é um programa gratuito chamado Pikluk. Descobri esse programa a cerca de 6 meses atrás e desde então meus filhos de 4 e 5 anos vêm usando ele avidamente. Este artigo é para explicar (em português) como instalar o Pikluk em seu micro e fazer da internet um lugar onde seus filhos podem brincar com tranquilidade e segurança. Eu sei que o artigo é longo. Mas, confie em mim, o processo é simples, e ao fim seu filho fará valer a pena.

Continuar lendo

História da Internet no Brasil, por uma testemunha ocular

Estamos aqui, em 29 de Dezembro de 2008, fim de ano, época de fazer balanços e retrospectivas. O jornal “O Estado de São Paulo” coloca na primeira página uma chamada para um caderno especial: “Link: O nascimento do conteúdo grátis”. Esse seria o resumo do ano de 2008 para a internet, do ponto de vista do jornal. Mais uma vez me lembro da tremenda dificuldade que tem o jornalismo em colocar as notícias de ciência e tecnologia em sua perspectiva correta. Continuar lendo