Conheça o Aptera, carro elétrico futurista

Notícias do Aptera correm a Internet a algum tempo. O site da empresa já estava no ar, com fotos e com o conceito. Havia os que especulavam que este estranho carro elétrico de três rodas era ficção, fumaça, fadado permanecer um mito. Porém agora, nos últimos dias de 2007, um repórter da revista Popular Mechanics conseguiu um furo de reportagem: um test drive com o misterioso Typ-1 e uma entrevista com seu criador, em um vídeo inédito. São dados vários detalhes interessantes sobre essa máquina em tantas dimensões revolucionária: o desenho, a tecnologia embarcada, a aerodinâmica, o uso e conversão de energia. Seu fabricante já aceita encomendas.

Continuar lendo

Anúncios

Aposta na moto elétrica

Lá vêm as motos 100% elétricas. Afinal deixaram de ser brinquedos e viraram máquinas de verdade, possantes e velozes. Hoje já temos motos elétricas para pilotar na auto-estrada de igual para igual com as motos a gasolina. É interessante o paralelo com os super-carros elétricos: da mesma forma que a Tesla Motors, uma novata, produzirá o melhor carro elétrico de série que o mundo já viu, cabe a uma novata do motociclismo, a euro-americana Vectrix, a tarefa de revolucionar o mundo sobre duas rodas.

Continuar lendo

Externalidades de rede, mercados explosivos

Historicamente a atratividade de um produto ou serviço é função de características intrínsecas ao mesmo. Por exemplo, quanto vale um cavalo ? Olhe os dentes, julgue a idade, veja se está bem alimentado, os pêlos brilhantes, pergunte sobre sua ascendência equestre — se for um cavalo de corrida pegue seus resultados nos últimos campeonatos. O valor do cavalo está associado ao que ele é, intrinsicamente. Da mesma forma, quanto vale uma jóia de ouro ? Você como joalheiro verifica qual a pureza do ouro, ou quantos quilates, qual o peso da peça, se tem alguma pedra valiosa incrustada, e ainda pode avaliar a qualidade do artesanato, desenho e execução, que a molda. Tudo está ali, embutido na jóia, intrínseco a ela. O conceito de externalidade de rede contrasta com essa intuição antiga de onde reside o valor, e é essencial para entender o mundo moderno, especialmente o que gira em torno da internet. Um objeto possui externalidade de rede quando seu valor é fortemente relacionado a aspectos externos a ele, mais especificamente ao tamanho do conjunto (ou rede) de objetos, idênticos ou complementares, que se relaciona com ele. Um dos exemplos mais simples de explicar é o da máquina de fax.

Continuar lendo

Cinco vídeos do carro elétrico

Encontrei uma entrevista interessante com J.B. Straubel, Executivo Chefe de Tecnologia da Tesla Motors. A Tesla, como discutido, está trazendo ao mercado talvez a maior novidade dos últimos anos em termos de mercado automobilístico. Na entrevista ouvimos de Straubel que toda a produção de 2008, 350 unidades do carro, já foi vendida e que o preço, quase US$ 100 mil, apesar de salgado, está dentro da faixa para carros deste desempenho. Segundo ele não se consegue um carro mais barato que possa competir com o Tesla Roadster. Um dos repórteres em seguida assume o volante de um Tesla Roadster e sai para dar uma volta. É muito interessante ouvir o ruído que o carro faz (quase nenhum) e a cara do motorista dirigindo, como uma criança com um brinquedo novo no natal.

Continuar lendo

Um carro elétrico e desejável

Falta pouco. No começo de 2008 chegará ao mercado um carro elétrico diferente dos outros. É o Tesla Roadster, um esportivo de US$ 98 mil que consegue ser mais rápido que qualquer carro de linha fabricado no Brasil. Seu desempenho é superior a lendas do automobilismo como Porsche Carrera Turbo e Ferrari Maranello 550. Ele é ecológico, ele é quieto, ele é bonito e, apesar disso, você provavelmente não tinha ouvido falar dele. Montado na Inglaterra, será vendido para poucos, dado o alto preço (não tão alto comparando com Porsche e Ferrari). Apenas cerca de 600 unidades deverão ser fabricadas em 2008. Esse carro pode se tornar um sonho de consumo mesmo para aqueles que nunca sonhariam em tirar carteirinha de sócio do GreenPeace. De que outra forma um astro de Hollywood poderia ser ao mesmo tempo um hippie ambientalista e um yuppie consumista ? Vamos, há pelo menos três razões pelas quais esse carro é uma excelente idéia. Vou chegar a elas, mas pode olhar as fotos com calma antes.

Continuar lendo

O que é o Poder

Poder militar, poder da elite, poder da natureza, os poderosos que estão no poder contra os que estão alijados do poder, o poder está em todas as frases e todas as bocas, mas o que é, afinal, o Poder?

Coloco aqui uma definição simples, positiva: ‘Poder’ é uma palavra que descreve, dentre tudo aquilo que um quer, o que ele pode realizar. “Querer não é poder“, diz o ditado. Quem quer às vezes não pode: eu quero andar e posso, eu quero voar e não posso. Meu poder me permite andar, mas não me permite voar. Assim se usa o termo poder — como fronteira real e prática da ação de um indivíduo, fronteira contra a qual se choca o seu querer.

Continuar lendo

Inábil e Inconsciente: A Dificuldade de Reconhecer a Própria Incompetência

Um artigo do Journal of Personality and Social Psychology, da Associação Americana de Psicologia, discute a diferença entre a auto-percepção e a realidade. Em 1995, diz o artigo, McArthur Wheeler entrou em dois bancos de Pittsburgh, na Pennsylvania, e os assaltou em plena luz do dia, sem nenhum disfarce visível. Ele foi preso naquela noite mesmo, menos de uma hora depois das gravações das câmeras de segurança serem mostradas no noticiário da TV. Quando a polícia mostrou a ele as fitas, o Sr. Wheeler ficou pasmo. “Mas eu coloquei o suco,” ele balbuciava, incrédulo. Aparentemente o Sr. Wheeler acreditava que esfregar o próprio rosto com suco de limão o fazia invisível para câmeras de videotape.

Continuar lendo